Paróquia São José do Jardim Europa

Artigos › 15/12/2020

A Virgem Maria e a virtude da Fortaleza

maria-e-o-menino-jesus-maria-santissima-jesus-manjedoura-jesus-bebe-virgem-maria-1

“A fortaleza é a virtude moral que dá segurança nas dificuldades, firmeza e constância na procura do bem. Ela firma a resolução de resistir às tentações e superar os obstáculos na vida moral. A virtude da fortaleza nos torna capazes de vencer o medo, inclusive da morte, de suportar a provação e as perseguições. Dispõe a pessoa a aceitar até a renúncia e o sacrifício de sua vida para defender uma causa justa. “Minha força e meu canto é o Senhor” (Sl 118,14). “No mundo tereis tribulações, mas tende coragem: eu venci o mundo” (Jo 16,33). (CIC 1808)

A virtude de fortaleza em Maria pode ser notada em várias circunstâncias da vida dela. De família simples e modesta, Maria vinha da periferia da Galileia; vivia num povoado de agricultores e artesãos que tinham de trabalhar muito para ter o seu sustento. Nazaré era um lugar pequeno, desconhecido, desprezado e sem história, de gente simples e vida simples, de pessoas oprimidas pelo Império Romano.

Desde sua infância, Maria foi provada no sofrimento, porém, esse sofrimento alimentava a esperança que ela depositava no Deus único e verdadeiro, e a espera do cumprimento para libertação do Seu povo. Sua esperança era fortalecida pela oração contínua e pela palavra de Deus que ouvia na sinagoga.

A virtude da fortaleza solidada no cotidiano da vida de Maria

Sua vida foi de austeridade e simplicidade, fazia trabalhos do campo e também domésticos. A virtude da fortaleza em Maria foi se solidificando na cotidianidade da sua vida; cada situação foi escola que favoreceu a firmeza e a constância na prática do bem.

Vamos nos deter apenas em um fato marcante e significativo da vida de Maria: a crucificação e morte de Jesus na Cruz, pois n’Ele notamos que tudo o que ela viveu antes a preparou para esse acontecimento, quando vemos que a fortaleza dela pode ser considerada também um ato de mortificação universal: “Perto da cruz de Jesus permaneceu de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria de Cléofas, e Maria Madalena. Jesus, então, vendo sua mãe e, perto dela o discípulo a quem amava, disse à sua mãe: Mulher, eis aí teu filho” (Jo 19,25).

Embora Maria não compreendesse muitos acontecimentos da vida de Jesus, ela tinha o coração e a vida em Deus. Ele sempre foi o motivo da sua fortaleza e esperança, pois a virtude da fortaleza está ligada à esperança, na certeza de que nenhum sofrimento é vão quando se espera em Deus.

História de salvação da humanidade

Alguns teólogos estudam e afirmam que Maria é corredentora de Cristo, ou seja, ela participa da história da salvação da humanidade: não existe “fruto da graça na história da salvação que não tenha como instrumento necessário a mediação de Nossa Senhora” (Bento XVI).

A profecia de Simeão diz que uma espada de dor traspassará a sua alma (cf. Lc 2,35). Maria completou, na própria carne, as dores que faltaram à Cruz de Cristo (cf. Col 1,24).

Jesus foi gerado em Maria por graça e ação do Espírito Santo, no entanto, o Espírito não tem carne, então, todo o físico de Jesus foi dado por Maria, e é o físico de Maria. O sofrimento de Jesus foi o sofrimento de Maria, a lança que transpassou o peito de Jesus na cruz transpassou também o de Maria: “um dos soldados abriu-lhe o lado com uma lança e, imediatamente, saiu sangue e água” (cf. Jo 19,34).

Estar de pé aos pés da cruz é uma atitude que expressa a virtude da fortaleza de Maria, que a faz participar da vida do Filho numa Mortificação Universal. Neste ato, Maria está à frente da mais difícil prova ao ver a morte do Filho, e oferecer-se juntamente com Ele ao sacrifício, numa entrega total de vida para salvar, para defender uma humanidade pecadora, uma causa nobre e justa!

A importância da vida de oração

A oração alimenta a virtude da fortaleza fazendo-nos resistir em situações que humanamente não conseguiríamos. A fortaleza é virtude que todos os católicos recebem pelo sacramento do batismo, é um auxílio eficaz para vencer as tentações, permanecer firmes e fiéis diante dos desafios da vida e da cruz de cada dia.

Como Maria, firmemo-nos na Palavra de Deus que nos assegura que diante das tribulações e sofrimentos Ele está conosco, fortalecendo-nos e nos fazendo perseverar na fé e na esperança que nunca nos engana: “Se Deus está conosco, quem é contra nós? (cf. Rm 8,31).

Tenhamos o nosso coração em Deus unidos a Ele na oração, com fé e esperança. A oração nos fortalece e nos faz esperar confiante em Deus. Ele nos faz permanecer de pé como Maria diante das intempéries que a vida nos apresenta.

Por Nilza e Gilberto Maia, via Canção Nova

Download WordPress Themes
Free Download WordPress Themes
Download Best WordPress Themes Free Download
Download Nulled WordPress Themes
online free course
download micromax firmware
Premium WordPress Themes Download
udemy free download

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X