Paróquia São José do Jardim Europa

Notícias › 20/08/2018

Participar da Santa Missa é antecipar o céu na terra, afirma Papa

A passagem do Evangelho (cf. Jo 6,51-58) do último domingo, 19, em que Jesus se apresenta como o pão vivo que desceu do céu, foi tema da reflexão do Papa Francisco que antecedeu a oração do Ângelus, tradicionalmente realizada todo o domingo na Praça São Pedro, no Vaticano. Na ocasião o Pontífice ressaltou a importância dos fiéis experienciarem a comunhão com Cristo, principalmente na Santa Missa. “Toda vez que participamos da Santa Missa, em certo sentido, antecipamos o céu na terra, porque da comida eucarística, do Corpo e do Sangue de Jesus, aprendemos o que é a vida eterna”.

Além do pão que simboliza o corpo de Cristo, Francisco explicou sobre o vinho, que simboliza o sangue de Jesus. “Carne e sangue na linguagem bíblica expressam a humanidade concreta”, comentou. Ao convidar as pessoas e os próprios discípulos a comerem de sua carne e beberem do seu sangue, Jesus os convidou, segundo Francisco, a entrarem em comunhão com Ele, a ‘comer’ a sua humanidade, e a compartilhar com Ele o dom da vida para o mundo.

“Este pão da vida, o sacramento do Corpo e do Sangue de Cristo, nos é dado gratuitamente na mesa da Eucaristia. Em volta do altar, encontramos o que nos alimenta hoje e por toda a eternidade”, explicou. De acordo com o Santo Padre, a Eucaristia molda o homem a viver não apenas por ele mesmo, mas para o Senhor e os irmãos. “A felicidade e a eternidade da vida dependem da nossa capacidade de tornar frutuoso o amor evangélico que recebemos na Eucaristia”, suscitou.

Por fim, o Pontífice exortou: “Jesus, como naquele tempo, repete a cada um de nós hoje: ‘Se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes o seu sangue, não tereis a vida em vós” (v. 53). O Papa afirmou que diante do convite de Jesus ao homem, para nutrir-se com seu Corpo e Sangue, surgem sentimentos, como discussão e resistência, que tentam distanciar o homem do propósito de moldar a sua existência à de Jesus.

“Nutrindo-nos com essa comida, podemos entrar plenamente em harmonia com Cristo, com seus sentimentos, com seu comportamento. Isto é tão importante: ir à missa e comunicar-se, porque receber a comunhão é receber esse Cristo vivo, que nos transforma e nos prepara para o céu”, finalizou.

Após o Ângelus

Depois de recitar a oração do Ângelus, Francisco recordou as chuvas intensas que atingiram a população de Kerala, na Índia, nos últimos dias. As tempestades provocaram inundações e deslizamentos, grandes perdas de vidas humanas, numerosos desaparecidos e deslocados, e danos à agricultura e às casas.

“Não deixe de faltar a esses irmãos a nossa solidariedade e o concreto apoio da Comunidade internacional. Estou próximo à Igreja em Kerala, que se encontra na linha de frente para levar socorro à população. Rezemos juntos por todos aqueles que perderam a vida e por todas as pessoas provadas por esta grande calamidade”, rogou. Em seguida, o Santo Padre rezou com os fiéis a oração da Ave Maria, após um momento de silêncio.

Por Canção Nova

Download Best WordPress Themes Free Download
Download Nulled WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
Download WordPress Themes Free
free online course
download intex firmware
Download WordPress Themes Free
free online course

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.