Paróquia São José do Jardim Europa

Artigos › 17/07/2018

O Deus dos Ateus

Penso que as pessoas não são ateias. O ser humano pode ser ateu em relação a certas imagens de Deus, mas no fundo diz em segredo: “sou ateu graças a Deus”! Freqüentemente o que acontece é que ao encontrar-se com o sentimento de finitude, da morte, o absurdo da vida, o homem possa tomar o caminho do desespero que leva à loucura (Nietzche), ou o caminho da sublimação, na santidade (Gandhi).

O número dos que se declaram ateus no Brasil aumentou. No último senso passavam um pouco de 8%. E ultimamente alguns autores trouxeram o tema novamente á baila: Daniel Dennet, Sam Harris, Michel Onfray, Hitchens Christopher e Richard Dawkins. Todos eles concordam que o pior na religião é a fé na existência de Deus.

Pode-se duvidar de Deus. Mas com certeza o ser humano busca amar e ser amado. Não experimentando amor, é impossível admitir a existência de Deus. Isto, principalmente em nossa cultura, que esvaziou os símbolos do Pai a tal ponto que, a figura do Pai entrou em colapso. O evento que preparou a hominização (o homo sapiens), não foi o assassinato do pai, mas o nascimento da figura do pai, afirma Edgar Morin. O movimento hoje parece ser o contrário. Estamos a caminho de uma animalidade sem pai pois, da morte do pai à morte de Deus é um passo.

Deixando para traz o refrão marxista que entende a religião como “ópio do povo”, os ataques passam agora, da religião para a própria possibilidade da existência de Deus: uma ilusão maléfica para o ser humano. Assim, o zoólogo Richard Dawkins, chegou a afirmar que seu sonho seria a completa destruição de todas as religiões. Antes os ateus iam para a fogueira da Inquisição.

Será que agora serão os crentes que irão para as fogueiras acesas por cientistas e ateus? Esta agressividade contra Deus e a religião, mostra o desapontamento com a persistência da fé nos dias atuais, quando se esperava que Deus estivesse morto e sepultado. Mais que nunca, hoje o homem deseja colocar-se no lugar de Deus. A tecnociência reivindica pela boca de seus “profetas” o lugar de Deus. Enquanto parte da intelectualidade científica repropõe a morte de Deus, como avanço, a Europa como um todo, se espanta com as contínuas conversões ao islamismo de um lado, de outro lado com o niilismo e o crescimento dos cultos satânicos.

Porém, sem Deus o mundo e o ser humano não se explicam, se complicam. Podemos afirmar sim, que é possível crer depois de Freud. A própria existência do homem impele a crer na existência de Deus. O físico e matemático B. Pascal, inventor da máquina de calcular escreve: “o momento mais sublime da razão é quando ela aceita que não pode explicar tudo”. Para ele somente a religião e a fé podem ultrapassar o ponto em que a pesquisa científica se choca com o inexplicável.

Nem todos os cientistas concordam com teses atéias. O biólogo Francis Collins, diretor do Projeto Genoma, em livro intitulado “A linguagem de Deus”, apresenta as evidências de que Deus existe. Afirma que a ciência e a fé devem caminhar juntas e uma não tem nada a temer da outra. Precisa-se da humildade de Collins, um ex-ateu, para crer.

A fé nunca fecha-nos o caminho que conduz à descrença, deixa-nos livres. No entanto, o que é crer? Crer é apenas arriscar-se a ler a realidade, para além do empírico, do perceptível, em chave de símbolo. Não existe contradição entre fé e ciência se houver diálogo entre elas, deixando de lado o preconceito.

O certo é que crendo ou não crendo, não se pode negar que há uma parte invisível em tudo o que é visível, uma ausência no seio de toda presença. E ainda, como escreveu K. Chesterton: “A verdade mais singela acerca do homem é que ele é um ser muito estranho, parecendo, quase, um estranho sobre a terra”(in O Homem Eterno Iª Parte, cap. 1). E isto porque ele foi criado para o infinito que é Deus, e para lá deve voltar.

Por Dom Pedro Cipollini – Bispo de Santo André

Premium WordPress Themes Download
Download Nulled WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
Download WordPress Themes
online free course
download mobile firmware
Free Download WordPress Themes
lynda course free download

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.